Webmarketing

200 Ferramentas Top para Marketing Digital

Neste artigo são apresentadas 200 ferramentas recomendadas para Marketing Digital.

Google faz a seleção dos mais populares no Mundial

A Google divulgou a sua seleção dos melhores jogadores do Mundial 2014, até à primeira frase. A escolha dos atletas leva em consideração o ranking dos mais proc...

Marketing Digital quer especialistas

É uma das áreas emergentes e precisa de profissionais especializados. Um estudo do IPAM – The Marketing School, revela que a área do Marketing Digital está em c...

10 dicas para ser mestre de pesquisa no Google

Nem todos os utilizadores sabem como aproveitar o motor de busca da Google em pleno. Há pequenos detalhes que podem tornar a pesquisa mais eficaz e ferramentas ...

Página da NOS no Facebook: falta de ética ou polémica exagerada?

A marca que sucedeu à Zon Optimus viu-se envolvida numa nova vaga de acusações, desta vez por ter transferido de forma automática os Gostos das páginas das anti...
Page:   of 23 

 

PWM is a Hootsuite Partner

Hootsuite Solution Partner

A marca é a alavanca da sua empresa


Cada vez mais, deparamo-nos com os chamados produtos ou serviços "de marca" nos diversos segmentos do mercado. É no vestuário, jóias, bebidas, alimentos, carros, medicamentos, bancos, imobiliárias, supermercados, restaurantes, bares, livrarias e até hospitais que se destacam pelo reconhecimento marcante que geram na mente dos consumidores.

Para chegar a esse patamar de reconhecimento, cada empresa, fabricante ou revendedor adoptou estratégias diferenciadas, mas que inexoravelmente incluíram pesquisa, planeamento, projecto, metas, desenvolvimento de ferramentas, treino de equipas, comunicação visual e políticas de relacionamento com o cliente.

Evidentemente que, quanto mais valor é agregado a uma determinada marca, maior é a exigência por parte daqueles que a consomem. E as falhas, ainda que pontuais, acabam contribuindo para ameaçar a chamada imagem de marca. Como cada cliente possui uma visão individual sobre a marca, é natural que para uns essa imagem seja positiva, para outros, negativa e até neutra.

Mas, independentemente da forma como cada empresa construiu ou fortaleceu a sua marca, o facto é que, em determinado momento, foi possível expandir fronteiras, incrementar vendas, aumentar resultados e gerar novas oportunidades. Nesse processo, algumas empresas souberam inovar, promovendo um upgrade na sua imagem. Outras, por um sem número de circunstâncias e razões, acabaram por se equivocar, prejudicando a imagem de sua marca.

É importante chamar atenção aos actuais e futuros empreendedores, que os bons exemplos podem ser seguidos, sem que haja, necessariamente, investimentos avultados. Por outras palavras, o seu produto ou serviço também pode ser "de marca".

Para isso, claro, alguns itens são fundamentais. E o primeiro e mais premente deles é alinhar todas as formas de comunicação da empresa com o cliente. A tarefa parece simples, mas não é. Exige-se, sobretudo, planeamento, visão estratégica e correcto posicionamento do produto a ser trabalhado.

Importante ressaltar que marca não se constrói apenas com um simples logotipo ou campanha de comunicação, mas com um conjunto de acções que tenha como objectivo criar, em cada cliente, uma percepção de imagem, com base numa série de contactos com a identidade corporativa da empresa.

Nesse aspecto, é imprescindível avaliar os pontos de contacto entre a empresa e seu público, desde a comunicação visual e gráfica até a forma com a qual os colaboradores lidam com os clientes, de modo a transmitir a mesma imagem de marca, hoje e sempre. E, não menos importante, torna-se fundamental acompanhar e gerir esse processo, identificando eventuais falhas que possam estar a prejudicar a imagem da empresa ou produto.

Assim, a insígnia, logotipo, economato, fachada do estabelecimento, uniforme dos funcionários, website, publicidade, embalagens e o discurso dos colaboradores devem estar perfeitamente alinhados. Se um desses itens estiver com algum problema, é preciso corrigi-lo imediatamente, pois cada ponto de contacto entre empresa e cliente faz parte de uma cadeia que deve transmitir uma imagem sólida e homogénea.

A importância da marca emerge na mais moderna fórmula de crescimento de uma marca, o franchising. Numa conjuntura onde a inovação e a aposta na Marca, são dois elementos chave para a diferenciação no mercado, o franchise format, normalmente conhecido por franchising, assume um papel de crescente relevo no panorama económico mundial. Neste ponto, Portugal não foge à regra e o contínuo crescimento, há mais de dez anos, desta forma de negócio, comprova-o. O franchising é basicamente uma forma de expansão das empresas através da aposta na marca, na qual o Franchisador transmite o seu Know-How e produtos ou serviços exclusivos à rede Franchisada. É um dos modelos mais modernos de expansão de conceitos de negócio e também uma forma de internacionalização a que as empresas portuguesas deverão estar atentas.

O cenário de competitividade de nossa economia exige criatividade e ousadia por parte dos empresários da indústria, comércio e serviços, além do desenvolvimento de novas competências e a utilização de métodos e estratégia de marcas de maneira profissional. Criar um produto ou serviço de qualidade e transformá-lo verdadeiramente num sucesso, construindo a imagem de marca por meio do relacionamento com os clientes, pode ser o grande diferencial que irá alavancar os negócios de sua empresa.

 

 

Poderá ainda ter interesse em:

Brand Equity

Co-Branding - Cooperar para competir

Elaboração da estratégia de marketing

A importância do telemarketing na PME

O Marketing em tempos de crise: o que é possível fazer?

 

 

António Godinho
Administrador do grupo Onebiz
www.onebiz-group.com

COPYSCAPE

Ferramentas de Webmarketing