Webmarketing

200 Ferramentas Top para Marketing Digital

Neste artigo são apresentadas 200 ferramentas recomendadas para Marketing Digital.

Google faz a seleção dos mais populares no Mundial

A Google divulgou a sua seleção dos melhores jogadores do Mundial 2014, até à primeira frase. A escolha dos atletas leva em consideração o ranking dos mais proc...

Marketing Digital quer especialistas

É uma das áreas emergentes e precisa de profissionais especializados. Um estudo do IPAM – The Marketing School, revela que a área do Marketing Digital está em c...

10 dicas para ser mestre de pesquisa no Google

Nem todos os utilizadores sabem como aproveitar o motor de busca da Google em pleno. Há pequenos detalhes que podem tornar a pesquisa mais eficaz e ferramentas ...

Página da NOS no Facebook: falta de ética ou polémica exagerada?

A marca que sucedeu à Zon Optimus viu-se envolvida numa nova vaga de acusações, desta vez por ter transferido de forma automática os Gostos das páginas das anti...
Page:   of 23 

Saber mais sobre o Workshop SEO

Digital Drink Porto

Digital Drink Lisboa

PWM is a Hootsuite Partner

Hootsuite Solution Partner

Sintonia Com Você

 

Quando o capital e a tecnologia são acessíveis a todos por igual,
o que faz a diferença é o capital humano.

Tom Peters,

consultor americano

 


Resumo:
Toda e qualquer pessoa deve enfrentar a vida por inteiro, perseguir o seu sonho e a realização dos seus desejos da maneira mais produtiva: maiores ganhos com as menores perdas.
A realização do seu sonho, independentemente de qual seja ele, passa pela assertividade.


 Estar em sintonia com você é reconhecer-se e aceitar o que você é, e como você está, a cada momento.

 O reconhecer e se aceitar tem muito a ver como você lida e aceita as suas emoções e sentimentos, tem a ver com sua auto-estima. E esta com a sua assertividade.

 Uma vez você melhorando a sua auto-estima você precisa colocar as suas emoções como fonte de construção de relacionamentos duradouros e transparentes.

 O primeiro passo para trabalhar com emoções não construtivas, suas ou de outras pessoas, minimizando ou eliminando os seus efeitos, é você se manter calmo, senhor de si mesmo.

 Manter a calma é a sua primeira e necessária habilidade para você manter:

- o prumo, ou seja, manter-se no controle da situação, manter-se no controle das suas próprias emoções, evitando o tão comum auto-seqüestro emocional;

- o rumo, ou seja, conservar-se na direção da realização dos seus sonhos, e não dar espaço para os interlocutores divagarem sobre o caminho inicial ou pretendido da conversa, reunião ou debate, levando você e sua agenda com eles.


Lembre-se que os outros jamais fazem você ficar zangado, irritado, triste ou quaisquer outros sentimentos negativos.

Você, e somente você, é que se permite, é você quem abre espaço dentro de você para permitir que as ações dos outros, sobre as quais você não tem controle algum, afete seu estado de ânimo. Portanto é você que precisa reformular, ou as suas expectativas ou o seu recrutamento.

Leia A LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA

Eu não estou aqui afirmando que você precisa reprimir as suas emoções, mas sim afirmando que o comportamento cultural herdado de reagir emocionalmente, apesar de justificado socialmente, não é:

- a maneira mais rápida,

- a melhor forma, e

- o caminho mais efetivo

para você construir relacionamentos de longo prazo.

A você, não somente é permitido, mas também é esperado que você fale, exponha e compartilhe as suas emoções, os seus sentimentos, as suas inseguranças e os seus receios.

Não somente é permitido, mas é esperado, que você, como ser humano que você é, abale-se com alguns fatos pessoais, que só o fato de viver trás algum amigo familiar doente, ou a perda de um ente querido.

Já ficar amuado por algo relativo ao trabalho é extremamente contraproducente. No trabalho devemos primar por sermos fonte de soluções, jamais a fonte de problemas.

As nossas reações emocionais ocorrem freqüentemente quando os "outros" não atendem às nossas expectativas, coisa que absolutamente eles não precisam atender, mesmo que elas tenham sido negociadas exaustivamente.

Você, nesses casos, ao invés de subir nas suas tamancas e vociferar contra os "outros", simplesmente analise a situação e verifique primeiramente se a sua expectativa foi previamente esclarecida e negociada.

No caso da sua expectativa não haver sido atendida, de duas uma:

a) - a sua expectativa não foi negociada com o "outro", e então a sua expectativa é somente sua, e o outro lado nada poderia ter feito, pois ele desconhecia essa expectativa.


Neste caso abra negociação para que o outro lado entenda a sua expectativa, e esteja preparado para atender as expectativas do "outro", também, mas sempre negociando e ajustando para chegar a uma solução por consenso;


b) - a sua expectativa foi negociada, e o "outro" lado não atendeu. Neste caso há duas opções a serem tomadas:

- ou você acredita na relação - profissional, amizade ou afetiva - e abre um esclarecimento sobre o que havia sido negociado e conta da sua expectativa de ser atendido, abrindo uma nova janela no tempo, esperando que de uma próxima vez você seja atendido,

- ou você dá um basta na relação - profissional, amizade ou afetiva - e termina essa relação e abre novo recrutamento e seleção, na expectativa de encontrar uma nova pessoa para que você inicie negociações que venham a atender as suas expectativas.


Cair na vala comum da reação emocional, apesar de emocional e culturalmente aceito, é o mesmo que dizer para o "outro":

- "Olhe o que você me fez, veja como você me deixou!"

E isso é bastante próximo de uma chantagem emocional. Essa chantagem emocional pode ser o início de um jogo de culpas e manipulação.

Profissionais competentes e pessoas maduras emocionalmente não partem para esse caminho, pois ele impossibilita a criação de vínculos que levam ao estabelecimento de relacionamentos fortes e duradouros.

Lembrando que relacionamentos fortes e duradouros baseiam-se em confiança e transparência.

Manter-se calmo:

- preservar o prumo e


- manter o rumo,

é o caminho para que você fale e compartilhe tudo o que você sente dentro de você, escolhendo as palavras adequadas, cuidadosamente, para que o "outro" lado entenda que você fala de uma maneira construtiva, ao invés de criar um clima de enfrentamento, de confrontação.

O prumo e rumo preservados mantêm você constantemente na direção da realização dos seus sonhos e desejos.

Você quer preservar o prumo e manter o seu rumo?

É isso que você quer?

A resposta é uma só: seja ASSERTIVO.

 

 

Carlos Alberto de Faria
Merkatus
Ajudando nossos clientes a atrair clientes.
Page
copy protected against web site content
infringement by Copyscape

Newsletter


Colunistas


Ferramentas de Webmarketing